23/10/2013

O segredo de querer só ela

Ela era uma menina de olhos castanhos e cabelos cacheados. Dona de uma gargalhada que o deixava maluco. Ele sabia, exatamente, o que nela o encantava e despertava tantos sentimentos. Ela tinha um olhar rápido, por vezes detalhista, mas na grande maioria era desligada.
Existiam coisas que o irritavam profundamente, ele gritava e extravasava, mas ao olhar para ela via uma menina assustada e então caia a ficha, ela era apenas uma menina que errava por brincar em momentos inoportunos. Ele tentava fazer o mesmo, brincar com ela no meio de uma conversa, mas quando a olhava em meio ao riso, via uma mulher séria, de nariz em pé que demonstrava não achar a menor graça no que acabava de ouvir e começava um sermão de no mínimo meia hora. Quando dava a oportunidade dele de falar, começavam uma discussão que acabava com ela sempre entristecida e com ele exaltado de raiva.


Mas com uma voz num timbre baixo, ela chamava ‘amor’ e não tinha como ele resistir aquele jeito de menina que o desmontava inteiro.
E esse era o segredo de não querer mais ninguém, ele tinha várias em uma só, e por incrível que pareça, ele não se imaginava sem sua mulher de fases.

3 comentários:

 
Book e Cofee Copyright 2014 ©
Designe By
- Kris Monneska Conversas de Alcova