05/12/2013

Bom dia, vida

Carinho no rosto, beijo na ponta do nariz, risozinho fácil, barulho de seu corpo mexendo na cama, cheiro do seu pescoço bem junto ao meu nariz, cheirinho de bom dia, mordida na bochecha e voz rouca no ouvido falando acorda.
Era mais uma vez a vontade de flutuar pela alegra que é ter você comigo que me dominava, era a vontade de te esmagar em um abraço que me dominava e me tomava por completo.
Poderia passar um dia, dois dias, três dias, vários anos, mas a alegria que é ser despertada por você é a mesma todos os dias.
Teu carinho único, teu cuidado especial, tua certeza é que está fazendo o certo é uma âncora que me prende a essa confusão sem fim que se chama eu e você.




2 comentários:

 
Book e Cofee Copyright 2014 ©
Designe By
- Kris Monneska Conversas de Alcova