19/02/2014

Aquecendo

Conforme o sol ia tentando ficar mais forte, o som do vento me distraia mais ainda. E mais uma vez a estrada que me levava, e eu não fazia ideia pra onde. Tinha na mala tudo que era possível, e na minha cabeça o impossível.
Estava cansada do que passou, como passou e de onde vivi. Era hora de enfrentar o novo, recriar caminho e reabastecer forças. O futuro fica longe do passado, o presente é o equilíbrio. E pra que melhor do que equilibra as forças que fazendo o que se gosta e onde gosta?
Então deixa o vento embalar a canção que soa com o raiar do sol na estrada...


0 comentários:

Postar um comentário

 
Book e Cofee Copyright 2014 ©
Designe By
- Kris Monneska Conversas de Alcova