05/08/2014

Lá no Sertão!

Eu não esqueci meu Sertão, não esqueci o que passei lá.
Não esqueci cada lágrima que derramei naquele micro apartamento esperando o dia clarear e mais uma vez sair pra trabalhar. A saudade que apertava de casa, saudade de ter almoço na hora certa, de poder fazer coisas simples mas em família, saudade de simplesmente acordar e não precisar levantar da cama e fazer algo que me deprimia.
Cada lágrima ali derramada, serviram-me de lição, e hoje mesmo depois de tanto tempo, não esqueci os amigos que lá deixei, das histórias que criei e dos amores que amei.
Longo tempo, breve tempo, mas o tempo foi meu. E eu rabisquei, espero, que da forma certa. Pois de lá trouxe a bagagem carregada de ensinamentos que a dona vida me deu!

0 comentários:

Postar um comentário

 
Book e Cofee Copyright 2014 ©
Designe By
- Kris Monneska Conversas de Alcova