18/11/2014

Da cor cordo cor do céu

Eu não vou mentir, o dia hoje está lindo.
Tem umas umas cores bonitas, envolventes e encantadoras. Estou perplexa com tamanha beleza e esplendor, mas cá entre nós. ..
O céu tem um tom especial quando se ama! 

Estou com saudades

Domingos, folgas e feriados... É disso que estou falando.
Preciso de mais dias assim, mas momentos assim, mais histórias com você. O assunto é apenas um, preciso de mais tempo com você. Poder te mimar, te amar, te bagunçar e te arranhar. Eu preciso é de você. Sentir aquela tua presença e teu cheiro, cheiro também de comida prontinha e quentinha que me convida a te procurar. Ahh, baby! O assunto hoje é tua falta.

17/11/2014

Olhos e bocas

Engraçado esses sorrisos coloridos, não é?
Pessoas apaixonadas me alegram pelo simples fato de saberem sorrir com os olhos. Gosto de andar nas ruas e ver casais cumplices, amantes e felizes. Gosto também de admirar olhos que conversam entre si. Que demonstram ciúmes ou ternura, mas que são unidos. Adoro olhares de apaixonados, assim como seus sorrisos, são fascinantes!

16/11/2014

Bilhete

Querido, amigo... Eu bebi sua vodca, eu bebi também seu vinho. Sua cerveja? Essa joguei fora, detesto aquele gosto amargo na boca. Definitivamente, detesto o gosto que fica na boca.
Achei seus cigarros, uns já estavam estragados, outros nem tanto, esses eu aproveitei. E usei seu copo de wisky como cinzeiro, você me desculpa, não é? 
Eu procurei outros recipientes mas só esse parecia servir. 
Ah, eu também derramei vinho na sua almofada branco, juro que foi sem querer. E seu gato vai ficar sem precisar comer por pelo menos duas semanas, derramei toda a ração dele no chão.
Bom, a chave está em baixo do tapete e eu já fui embora. Usei sua jaqueta que eu amo, estava frio. Um beijo, com carinho... Savannah!

15/11/2014

8 meses

Ei, psiu... Eu adoro amar você, estar com você, ser parte sua!!

Parabéns pra gente!

14/11/2014

Pequena

O vento sopra e leva embora com ele tudo de ruim que rodeia aquela pequena linda estrela que brilha sem exitar para mim.
É tão ppequena, tão frágil, tão minha...
As certezas que me cercam sobre amor maior do mundo me deixam completa, me deixam terna e agradecida. E é isso que me motiva, me cerca e me torna eu cada vez mais segura sobre o que sou e sobre o que quero. E o belo motivo é miha estrela que brilha num sorriso motivador e protetor.
É o sorriso que me envolve e me faz ter as certezas que escolhi pra vida.

13/11/2014

Sol, flores e bebidas.

Estou observando as flores nascerem e morrerem na minha frente e eu não sei para que posição muda-las. O sol deve ser favorável à elas, mas qual lado do sol mesmo? Eu não sei bem. Onde quer que eu vá o sol me aparece, mas não sei a posição certa de florir e prosseguir, afinal eu deveria saber, mas bem, eu não sei. Isso é errado, não é? Traz um drink...
Eu achei por um longo périodo de tempo que o àlcoo me ajudaria a ter coragem e esquecer os problemas, mas será? Será mesmo? Ah, meu Deus, eu estou ainda mais confusa. O que tem a ver meus porres com as plantas que vejo morrer?
Bem... Eu sou as flores? Sim, eu sou as flores. Devo saber minha posição ao sol para não fraquejar e não morrer sufocada, queimada e embriagada. É nisso que devo trabalhar, é nisso que devo focar!

12/11/2014

Não me faltam nada

Meus cabelos caem com a facilidade que uma pluma voa no ar. Eu, embora cansada, não desisto de um belo dia vê-lo lindo e gracioso como um dia já me foi favorecido. Guardo em mim meus sonhos que minha doença ainda não tirou, deixo em mim as alegrias contidas no sorriso de uma criança inocente e que tem vontade de ser forte e firme e nunca desistir de sonhar e sorrir. Hoje só foi mais um dia e eu mereço ser feliz. Com ou sem cabelos.

11/11/2014

Breve conto

Ele tremia em minhas mãos e eu não poderia deixa-lo escapar, mas ele se debatia e chorava, embora eu fosse mais forte, ele quase conseguia sair de meus braços, que neste moento já estava fraco de tanta força que ele demonstrava e com uma mistura de suor e arranhões. Ele definitivamente não queria ficar comigo.
Atrás de mim ela caminhava sem olhar pra trás, sem dar importância para o choro do filho que em meus braços não parava de se debater. Ela chovara em silêncio, eu podia sentir aquilo, as lágrimas dela me cortavam mais o coração que o choro dele. Ela também não queria mas precisava deixa-lo comigo. Ela fugia da histería que lhe maltratava na sua casa, de seus pais que por maldade não lhe aceitava. Ela escondia tudo, de lágrimas à ele. O que me restava era lhe ajudar, prometer dele cuidar e faze-lo a esperar... Mas era tarde, muito tarde e dela ele já tinha todo o amor. Aquilo era novo, aquilo era doloroso e complicado. Mas era tudo o que me restava. Dar-lhe o amor que ela tinha me destinado, mimar-lhe o máximo que podia e esperar o dia dela voltar...

10/11/2014

Atualmente

Ando com risos soltos, eles estampam a cor firme de meus olhos que só refletem alegrias e paz. Resolvi ignorar por completo aquilo que me sacrificava o riso e a paz. Eu joguei para longe, mas um longe tão distante que nem sei onde foi parar, o bem da verdade é que eu não quero saber onde foi parar.
Só quero que fique onde estar e longe de mim e de minha atual paz.

09/11/2014

Novos horizontes

É tão engraçado me imaginar daqui a dois meses e me ver como alguém que não é mais sozinha, nem que precisa conviver com saudade e a ausência... E eu estou feliz, com medo, feliz, me sentindo louca, feliz, inqueta, feliz, preocupada, feliz, estranha, feliz e feliz. É algo que parece não caber em mim, mas eu nem ligo. Isso deve fazer parte de mim, isso deve me deixar confiante, pois eu sei o que quero e o que quero, e a resposta é sempre a mesma: ELE.

08/11/2014

Novo dia

Eu devo voar, eu possuo asas coloridas que nunca me deixam no chão. Eu posso até esquecer delas, mas nas horas certas elas veem e me tiram de um buraco que não me pertence e que eu não me encaixo. Eu tenho uma luz só minha, e isso vale mais que qualquer palavra dita em forma errada. Eu estou firme, eu estou forte, eu posso tombar e cair, mas jamais ficarei lá por mais que uma lágrima derramada.

07/11/2014

TAG - O Forninho Caiu

Olá... Recentemente vendo o Vlog do Bruno: Minha Estante, conheci a TAG que ele criou baseada no vídeo da Giovana que o forninho cai. Gostei tanto das perguntas que resolvi fazer e ainda 'obrigar' duas amigas a fazerem. A Dri do Lustre do Castelo e a Kris do Conversas de Alcova. Uma fará no vlog e a outra no blog. E simbora antes que mais forninhos caiam.



Eis perguntas e respostas...


PERGUNTAS


1º - ''Canta... Espera'' Qual livro você teria aproveitado melhor se tivesse lido hoje?

Bom, essa é meio fácil. O livro se chama ENTRE JULHOS E AGOSTOS e eu li tem um tempinho. Li esse livro rápido pois tinha um prazo muito pequeno para devolver à biblioteca da escola. Acabou que amei a história, comprei o livro num sebo pra ler com calma, mas nunca li. Mas logo logo sai da poeira da estante.

2º - ''Desce, sobe, empira e rebola'' Qual livro fez você por várias emoções diferentes?

Esse é muuuito fácil, li esse livro há uns quatro meses e ele se chama IMPOSSÍVEL ESQUECER e realmente é. Nunca li um livro pra sentir tanta raiva e tanto amor como esse. Cheguei até a joga-lo na parede perto do fim e depois sai correndo pra catar e terminar a leitura. E super valeu a leitura.

3º - ''Se pendura mesmo!'' Qual livro você leu por indicação de outra pessoa e não gostou?

Livro indicado por minha mãe e que realmente li sem gostar. Foi o livro O MORRO DOS VENTOS UIVANTES, digam o que quiserem. Esse livro não me caiu bem.

4º - ''Eita, Giovana!'' Qual livro fez o forninho cair de vez?

Meu forninho caiu de vez quando li A MENINA QUE ROUBAVA LIVROS e até hoje não me recuperei. Lembro que terminei de ler esse livro por volta de duas da manhã e procurei sentindo pra viver por umas três horas. Foi o primeiro livro que chorei e o único que amei do fundo da alma do início ao fim. Simplesmente o meu favorito.

5º - ''Ahhhh" - Qual livro fez você chorar mais?

O livro mais romântico que já li até hoje. O belíssimo PS EU TE AMO ganhei esse livro de presente e a leitura dele foi fantástica. Chorei o livro do começo ao fim, sorri chorando e chorei chorando. Um livro pra ser relido assim que possível.

6º - ''Não entendi.'' - Qual livro você não entendeu nada?

O livro se chama MENINOS NA RUA e eu até falaria algo se tivesse entendido algo.

7º - ''CORTA!'' - Qual livro acabou sem ter um final?

Bom... O livro é bem famosinho e bem lidinho. E é o lindinho A CULPA É DAS ESTRELAS. Ou eu me desliguei muito ou realmente estou certa. Eu não entendi esse final realmente. Pra mim ficou coisas sem respostas, talvez seja uma intenção pelo livro fictício que existe nele. Mas faltou coisas. A Hazel morreu? A mãe dela concliu a faculdade? E o Isaac? O escritor simplesmente voltou a viver como viva? John Green do céu, me responde! 




Bom, essas foram as perguntas e 
respostas. Simplesmente adorei
responder e espero que vocês gostem
e as meninas gostem de fazer também :D

Por mim

Aprendi a contar as horas, valorizar o dia, pensar nos dias que anda estão por vir. Vi que novos dias e novas hitórias ainda estão por vir, então qual motivo de sofrer por pessoas que não tem um valor de peso em minha vida? Pessoas que se quer sabem meu segundo nome, tampouco inha história. Mereço é ser feliz, por tudo que já passei e pela pessoa que sou hoje. Isso é lição que devo carregar na alma e demonstrar num sorriso terno e terno.

06/11/2014

Meu clichê

O que seria de mim de eu não tivesse ao meu lado, segurando minha mão, um verdadeiro príncipe. Eu me vejo num clichê tão absurdo quando falo essas coisas, que chego até a não me conhecer e chego a rir de mim mesma. Mas cá entre nós, o mundo é um grande clichê e eu sou apenas mais uma nessa multidão de seres apaixonados e cheios de clichês... E eu, jamais deixarei de viver um clichê eterno ao lado do meu príncipe que me faz feliz, que cuida de mim e que valoriza cada dia ao meu lado como se fosse o primeiro. E se depender de mim, esse primeiro dia irá durá pelo resto da vida.

05/11/2014

Meu dia anda sem cor

Se eu sai da cama hoje nem percebi... Não teve maquiagem que resolvesse o problema da auto-estima. Ela não estava comigo de forma alguma, nem de forma silenciosa ela aparecia. Eu me sentia péssima, mais uma vez pesos de palavras malditas, mau ditas, me fizeram descer até o além de mim. E estou ainda anestesiada com dor, realidade tensa e escura.
Adianta querer sair disso? Acredito eu que sim, e é por isso que vou lutar e correr atrás, não merecia isso.

04/11/2014

Estou sofrendo

Eu estou surtando por dentro. Estão me enlouquecendo e eu não sei como agir.
Eu estou sofrendo, estou sangrando, e ninguém nota isso. Meus pedaços estão caindo no chão, estão pisando nos meus pedaços, estão me massacrando e não estão notando. Meu peito está sem ar e eu estou sem saber para que lado correr, quais os braços que me abraçariam sem me ferirem com brasa quente amanhã. Eu estou perdida numa confusão que não sei como começou e nem sei como terminar. Eu estou sangrando, e em nenhum momento esse fluxo para.

03/11/2014

As flores

De onde vem o vento?
Eu não sei... Mas ele me traz o cheiro das flores.

De onde vem as nuvens?
Eu realmente também não sei, e pouco me importo. Além de imaginar os desenhos que elas formam.

Você já viu como o dia nasce mansinho na janela do meu quarto? 
Eu observei como o sorriso das flores ficam lindos quando as nuvens se afastam e o sol reluz nelas. E é por elas que sou forte e as amo e cuido como minha alma. Minhas flores são uma extensão da minha vida.

02/11/2014

O dia de hoje

É estranho associar essa data com alguém que um dia você conheceu como a pessoa mais cheia de vida da terra. 

As horas se passam, os dias se findam e eu tento encaixar as peças em suas lacunas. São tantas respostas que talvez não sejam jamais respondidas. 
Eu desisti de entender as vontades de Deus e o motivo pelo qual ele leva para junto dele pessoas que amamos. Não adianta se sacrificar e se machucar procurando coisas que somos pequenos demais para entender. Hoje, eu, apenas me imagino sendo forte e aceitando que tudo tem um porque, e que naquele tradicional 'eu te verei em outras vidas' eu poderei encontrar e abraçar aqueles que nessa e em outras vidas amei.
Pessoas que fizeram parte de nós jamais se afastam. Quem amamos nunca nos deixa, sempre arrumam um jeito de estar ao nosso lado. E será assim eternamente. E o dia de hoje serve como um dia para a saudade aumentar e machucar mais, com se os outros não fizessem isso.

01/11/2014

Um passo pro fim

E quem diria, estamos à um mês do fim do ano. E ando, realmente, pensando o que fiz esse tempo todo. E a resposta é a melhor das melhores:
EU VIVI! Da melhor forma possível e com as melhores pessoas ao meu lado. Irei terminar esse ano com um saldo positivo e que vai repercutir por muitos e muitos anos. E eu só posso desejar que eu seja ainda mais feliz e mais experiente. Amando minha vida e meus passos. E isso inclui meu futuro... meu futuro certo e eterno. 

 
Book e Cofee Copyright 2014 ©
Designe By
- Kris Monneska Conversas de Alcova